A temporada outono/inverno começou no Brasil e acho que é um momento propício para conversarmos sobre as diferenças entre roupas de chuva e roupas de frio. Sim, elas são diferentes! Embora existam roupas que atendem ao frio e à chuva, nem todas as roupas de frio são adequadas para a chuva, e nem todas as roupas de chuva são adequadas para o frio!

Como o Brasil é “um país tropical, abençoado por Deus e bonito por natureza”, tem muita gente que acaba confundindo um pouco as bolas e usa, por exemplo, jaqueta de couro pra sair na chuva. A menos que seja couro sintético, e que também esteja fazendo um friozinho (pensemos em algo em torno dos 17ºC), é quase um crime sair de couro na chuva! Ou então compra um trench coat jeans, que já é errado por definição: a função do trench coat é proteger da chuva, e jeans não é um tecido impermeável. Embora esses erros sejam comuns ao dia a dia dos brasileiros e brasileiras, eles ficam muito evidentes quando estamos fora do Brasil e nos sujeitamos aos climas completamente diferentes do nosso.

A história da minha vida é pautada em me proteger da chuva, do frio, da chuva e do frio e, mais recentemente, do frio e da neve. Eu não me lembro de uma única fase da minha vida em que eu não tivesse pelo menos uma capa de chuva e pelo menos uma galocha no meu armário. Eu amo o inverno, mas detesto passar frio. Eu sinto MUITO FRIO (muito muito mesmo) nas pernas e nos pés: são as primeiras partes do corpo a serem cobertas no outono, e as últimas partes do corpo a serem descobertas na primavera. Eu acho que não tem coisa que eu odeie mais na vida do que ficar molhada – e, principalmente, ficar com os pés molhados. E é por essas e outras que eu resolvi escrever um guia definitivo pra te ajudar a se vestir de acordo com a meteorologia, evitando passar frio, se molhar e até mesmo ficar doente!

ROUPAS DE CHUVA

São as peças impermeáveis, que vão impedir que você molhe seu corpitcho maravilhoso e seu lindo look do dia. Trench coats de gabardine, como o clássico da Burberry (amor eterno e verdadeiro), é um típico exemplo de roupa pra se usar na chuva. Trench coats de nylon também resolvem a vida nessas situações. As capas de chuva voltaram à moda recentemente, então você pode aproveitar esse momento e escolher uma bem linda pra fazer parte do seu armário. Capas de chuva sem forro são melhores para enfrentar as chuvas de verão, enquanto as capas de chuva forradas são melhores para primavera ou outono.

IMG_6359
capa de chuva amarela com forro

O linho e o algodão são materiais ótimos pra usar nos dias de chuva, porque secam bem rápido caso molhem um pouquinho. A viscose também pode ser sua amiga nesses momentos. Eu sou muito fã de calças de linho e liocel, que ficam elegantes sem esforço, e são frescas o suficiente pra serem usadas em temperaturas mais quentes.

Sapato de chuva é GALOCHA! Sim! Não é a toa que elas chamam rain boots! As melhores galochas são, sem dúvida, da Hunter, mas outras marcas também fazem galochas interessantes. Se você quiser fugir das rain boots, botas impermeáveis também são uma opção. Mas tem que conferir se é impermeável mesmo! É difícil de achar bota impermeável nas lojas de sapatos brasileiras, então eu recomendo o investimento numa UGG (não estou falando daqueles modelos horrorosos de uns 8 anos atrás e que ainda são vendidos, mas das versões muito mais adequadas para o dia a dia que protegem nossos pés sem perder o estilo) ou Sketchers.

Vale também prestar atenção na diferença entre waterproof e water resistant: waterproof é impermeável de verdade, que não vai deixar seus pés ficarem molhados de jeito nenhum (dependendo do modelo do sapato, podem até transitar pra neve), enquanto um modelo water resistant é resistente à água, mas que, dependendo da intensidade e do período de exposição à chuva, pode deixar passar água pros pés. E a altura da galocha também é importante: galochas de cano mais alto protegerão também sua calça ou suas canelas, se você estiver de short/saia, de ficarem molhadas.

Dependendo do dresscode do seu ambiente de trabalho, é perfeitamente aceitável que você proteja seus pés da chuva com galochas ou outros sapatos impermeáveis ou resistentes à água e troque seus sapatos quando chegar no trabalho. O que é deselegante mesmo é ficar com os pés e roupas molhados e passar um tempão reclamando disso – e ainda arriscar ficar doente.

ROUPAS DE FRIO

Eu sou friorenta, então eu considero frio qualquer coisa abaixo de 16ºC; imagina o meu sofrimento no inverno de 2017 aqui na Armênia, quando fez -20ºC! Sofri sim, porém aprendi muito também. A gente aprende a se vestir adequadamente ao frio nas suas diferentes temperaturas! Então nesse item vou falar de um frio médio – pensemos em algo entre 10ºC e 22ºC (afinal de contas, 22ºC pra carioca já é frio pra caramba) – e vou deixar pra falar sobre roupa de frio mais intenso mais pra baixo. Uma calça de veludo ou de lã são bem vindas, bem como casacos de tricô quentinhos e jaquetas revestidas de pelos.

No “frio seco” (sem neve e sem chuva), o couro tem sua vez, nas calças, jaquetas e botas. Pela durabilidade, o couro natural é uma compra muito mais inteligente do que o couro sintético (que, se for de má qualidade, ainda vai ter um cheiro esquisito).

As coleções de inverno das principais marcas brasileiras costumam ser abarrotadas de peças de tricô de acrílico. Essas peças são suficientes para esquentar no inverno brasileiro, mas não encha sua mala para um destino invernal com roupas feitas dessa fibra porque você vai passar frio! O acrílico nunca vai te aquecer e nem será confortável como a lã, e ainda pode fazer bolinhas com o tempo, mas é aceitável ter peças diferentes e coloridas feitas a partir dessa fibra sintética nos armários brasileiros porque raramente vivemos temperaturas negativas.

Vocês já sabem que eu sou fã das fibras naturais, e a cashmere e a lã são as melhores fibras pra esquentar nas baixas temperaturas. No Brasil, é bem mais difícil de encontrar roupas feitas a partir dessas fibras do que nos países do Hemisfério Norte (onde de fato faz mais frio e a demanda por roupas para enfrentar essas temperaturas é bem maior). Se você estiver com viagem marcada pra Europa ou pros EUA e quiser uma (ou mais de uma) peça de cashmere de qualidade no seu armário sem entrar no vermelho, não deixe de conferir as opções da Uniqlo: eles tem suéteres maravilhosos de cashmere tanto pra homens quanto pra mulheres, além de cachecóis e estolas. Já no quesito lã, a GAP também tem ótimas peças em lã merino, que é super leve e esquenta na medida. Vale a pena ficar de olho nas etiquetas de composição da Zara que, vira e mexe, coloca peças de lã à venda por preços amigos no Brasil também.

E os sapatos? Bem, eu sou fã das UGG e vocês já me viram por aqui usando alguns modelos da marca (bem que eles podiam me patrocinar)! Elas são muito confortáveis e, se forem revestidas, não vão deixar os pés esfriarem de jeito nenhum. Eu não sobreviveria ao inverno (nem ao começo da primavera ou o final do outono) sem elas! Mas se a temperatura sobe um pouquinho e já fica entre 14ºC e 20ºC, eu já calço logo um tênis!

ROUPAS DE FRIO E CHUVA

Em muitos lugares, chuva e frio andam juntos em algumas estações, em que as temperaturas costumam ficar entre os 4ºC e 12ºC. Neste caso, os trench coats forrados serão os seus melhores amigos. Mas não estou falando de qualquer forro, e sim do forro corta-vento, geralmente matelassê, que vai proteger na medida e com muita elegância. Há alguns trench coats que são feitos com esse forro removível, então são um bom investimento para dias de chuva e dias de frio e chuva. No Hemisfério Norte, a melhor época para comprar trench coats é na primavera, quando as lojas oferecem muitos modelos e versões diferentes dessa peça. Outra opção, mais esportiva, são os casacos matelassê (eu só chamo esses casacos de “boneco da Michelin”, ainda que algumas marcas estejam investindo em modelos mais leves e ajustados), que costumam ser impermeáveis e também são ótimos pra neve.

IMG_0125
trench coat (nesse dia, usado com forro, porque tava uns 8ºC!) + bota forrada e impermeável

Aqui, acho que a roupa térmica é indispensável, e quem sente muito frio deve evitar o jeans e investir nas calças de lã, veludo e até moletom, que vão se comportar melhor abrigando uma camada (ou mais) de roupa térmica. Em dias de chuva e frio, a calça térmica vai ajudar a manter seu corpo seco, caso a calça externa molhe. É bem difícil achar calça impermeável… Eu já vi que a Uniqlo tem umas calças water resistant da linha blocktech, mas infelizmente ainda não consegui comprar nenhuma dessas pra mim.

Nessas temperaturas, os cachecóis também começam a ser usados. Eu prefiro optar por cashmere, porque é mais leve e esquenta bem, ou até mesmo algodão.

Já no quesito sapatos, as galochas ainda tem vez, mas só se forem combinadas à meias adequadas para esquentar bem os pés (há boas opções na Uniqlo e na própria Hunter). Jamais cometa o erro de usar galochas sem proteger bem os seus pés com meias térmicas e/ou grossas o suficiente! O plástico das galochas não é um isolante térmico, e ninguém quer ficar com os dedinhos congelados, não é? Nesse clima, eu prefiro usar as botas impermeáveis, variando os tamanhos dos canos (canos mais altos protegem mais as calças e ainda criam mais uma barreira de proteção pras pernas friorentas).

ROUPAS DE FRIO E NEVE

Pensemos no frio intenso, entre 4ºC e -20ºC (ainda não peguei temperatura mais baixa do que -20ºC). Quando chegamos na Armênia, no final de janeiro de 2017, ficamos mais de 1 mês sem saber o que era temperatura positiva: só foi fazer 0ºC no começo de março! E foi aí que eu constatei que há mesmo diferentes roupas para diferentes frios, e que eu só aguento enfrentar essas temperaturas com 3 calças (ou mais).

Para esse frio intenso, que muitas vezes vem acompanhado da neve, os casacos precisam ser impermeáveis e forrados. E não é qualquer forro: o forro do frio intenso que segura a onda, ajuda a prevenir doenças e garante que você possa sair por aí e cumprir a agenda do dia é o forro de pelos, muitas vezes também em matelassê.

Sobretudos também se tornam protagonistas, somados aos cachecóis bem quentinhos, preferencialmente de lã mais grossa e em tamanhos maiores (que chegam a parecer mini-cobertores quando abertos).

As roupas térmicas viram mesmo as nossas melhores amigas, e é impossível sair de casa sem elas. No frio intenso, eu uso uma camada de roupa térmica + uma camisa (geralmente de flanela xadrez) e um suéter de lã ou cashmere + calça legging e calça de veludo ou lã ou moletom. Ou seja: 3 camadas de roupa acima da cintura e mais 3 camadas de roupa abaixo da cintura.

As botas waterproof são indispensáveis, com solas antiderrapantes e também forradas de pelos. De novo, eu recomendo a linha da UGG que é pensada pra esse clima extremo. As meias térmicas também ajudam muito pra que nossos pés não congelem.

SAIAS, SHORTS E VESTIDOS NO FRIO

Usar short no inverno é coisa de carioca; seria impensável usar short num frio de verdade, mesmo com muitas camadas de meia calça! Não me levem à mal: eu já usei muito short com meia calça em Orlando, mas é porque o frio por lá é tipo frio do Rio, então até que faz sentido (e pode ser bem mais confortável pra passar um dia no parque temático). E todas as vezes que eu estiver num “frio tropical” eu posso ser tentada a usar e abusar desse styling que faz parte das minhas raízes.

IMG_0097
de saia (Animale) porém com 2 meias calças térmicas – e casaco “boneco da Michelin” – da Uniqlo!

Saias e vestidos conseguem transitar melhor para as baixas temperaturas, com meias calças térmicas e/ou de lã. As texturas e tecidos como neoprene, lã, couro, chamois e suede fazem sentido aqui. Mas eu acho que tudo depende do frio que você sente e das ocasiões que vai frequentar: eu só me sujeito às pernocas “expostas” (entre aspas porque jamais conseguiria sair com menos de 3 meias calças no frio) se for pra um evento muito importante e chique.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s